A Morgadinha dos Canaviais

A Morgadinha dos Canaviais

Júlio Dinis
avaliação dos leitores (1 comentários)
(1 comentários)
ISBN:978-972-0-04951-3
Edição/reimpressão:08-2017
Editor:Porto Editora
Código:04951
ver detalhes do produto
8,60€I
-10%
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
EM
STOCK
8,60€I
COMPRAR
I10% DE DESCONTO EM CARTÃO
IEm stock - Envio 24H

SINOPSE

Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para a Formação de Adultos como sugestão de leitura.

Morgadinha e a sua prima Cristina alargam a galeria dinisina de mulheres fortes, femininas e virtuosas, dispostas a contornar as barreiras sociais por amor, como acontece com Madalena em relação a Augusto. Está também presente, neste terceiro romance de Júlio Dinis, uma forte componente de crítica social, que visa o fanatismo religioso e o clericalismo hipócrita.
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

Uma obra atual
Maria Eufémia Abrantes |2018-06-29
Júlio Dinis dá-nos a conhecer o ambiente citadino em contraste com a ruralidade, em finais do século XIX. Destaca-se uma mulher - a Morgadinha - que sendo uma figura central da obra aponta para um tempo futuro em que a mulher adquire um papel cada vez mais relevante na sociedade. Ela prefigura a mulher atual...interventiva e participativa!

DETALHES DO PRODUTO

A Morgadinha dos Canaviais
de Júlio Dinis
ISBN:978-972-0-04951-3
Edição/reimpressão:08-2017
Editor:Porto Editora
Código:04951
Idioma:Português
Dimensões:128 x 198 x 32 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:560
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Romance

de Júlio Dinis

Júlio Dinis
Joaquim Guilherme Gomes Coelho, verdadeiro nome de Júlio Dinis, nasceu no Porto, em 14 de Novembro de 1839. Era filho de um cirurgião, José Joaquim Gomes Coelho, e de Constança Potter, que morreu cedo, deixando-o órfão aos seis anos.
Em 1861, termina o curso de Medicina na Escola Médico-Cirúrgica do Porto. Nessa época, já sofria de tuberculose, o que o levou a sair do Porto, começando a escrever. Inicia a atividade literária em 1862, publicando breves narrativas no Jornal do Porto. Torna-se professor de medicina na escola onde se formou em 1865.
Morreu em 1871, aos 31 anos, vítima de tuberculose. Publicou quatro romances: As Pupilas do Senhor Reitor (1866), Uma Família Inglesa (1867), A Morgadinha dos Cnaviais (1868), e Os Fidalgos da Casa Mourisca (1871).
Ver Mais

DO MESMO AUTOR

Em Stock

Os Fidalgos da Casa Mourisca

de Júlio Dinis

7,60€

Em Stock

As Pupilas do Senhor Reitor

de Júlio Dinis

6,60€

Em Stock

Uma Família Inglesa

de Júlio Dinis

6,60€

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK