Os Pescadores

Os Pescadores

Raul Brandão
avaliação dos leitores (1 comentários)
(1 comentários)
ISBN:978-972-0-04967-4
Edição/reimpressão:11-2014
Editor:Porto Editora
Código:04967
ver detalhes do produto
5,50€
-10%
24H
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
24H
EM
STOCK
5,50€
COMPRAR
I10% DE DESCONTO EM CARTÃO
IEm stock - Envio imediato

SINOPSE

Nesta obra, o autor oferece-nos belas telas ricas de cor, de luz, dos vários elementos colhidos na natureza.

O entardecer nas suas várias cambiantes, conforme o lugar e o tempo, é descrito em pinceladas fortes com verbos no presente - a ação em decurso e com o subjetivismo do autor arrastado pelo sonho e transpor para as telas, que sugere, a tragédia de um poente tempestuoso à beira-mar que é sempre temível para os pescadores.

Além de belos quadros paisagísticos, também nos oferece sugestivos retratos - o do faroleiro, a velha da Foz do Douro, a sanjoaneira, a mulher da Afurada, de Mira "feia mas esbelta (que) tem ar grave e senhoril quase sempre", a heroica Ti Ana Arneira da Gafanha, a mulher da Murtosa "baixa e atarracada", a de Ovar "delicada e forte, alta e bem proporcionada, cheia de predicados domésticos e morais", a poveira "a bem dizer - um homem", a Rata da Foz. É evidente a simpatia de Raul Brandão pela sua dolorosa vida difícil, de trabalho, de explorados.

Lilaz Carriço, in Literatura Prática II, pp. 361-362, Porto Editora, 1999
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

Um clássico
Bruno Soares |2017-01-04
Vivências, luz e cor.

DETALHES DO PRODUTO

Os Pescadores
de Raul Brandão
ISBN:978-972-0-04967-4
Edição/reimpressão:11-2014
Editor:Porto Editora
Código:04967
Idioma:Português
Dimensões:128 x 198 x 14 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:176
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros em Português > Literatura > Romance

sobre Raul Brandão

Raul Brandão
Raul Brandão nasceu na Foz do Douro, Porto, a 12 de março de 1867, e morreu em Lisboa a 5 de dezembro de 1930. Militar de 1888 a 1911, quando se reformou do posto de capitão, foi ao jornalismo e à literatura que dedicou a sua vida, escrevendo livros, como Húmus, a sua obra-prima, ou peças de teatro como O Gebo e a Sombra, que impressionaram várias gerações até aos nossos dias. Sem nunca ter escrito poesia, a sua escrita é predominantemente poética, e a condição humana é o tema profundo da sua obra: simbolista-decadentista no início, com História de um Palhaço, impressionista no final, quando escreve Os Pescadores e As Ilhas Desconhecidas, considerado «um dos melhores livros de viagens de todos os tempos na literatura portuguesa». As suas Memórias – que agora se apresentam reunidas num único volume – são uma das grandes referências nacionais neste género literário.
Ver Mais

DO MESMO AUTOR

A pesca da Baleia e outras narrativas

de Raul Brandão

6,93€

7,70€

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK