O Livro de Cesário Verde

O Livro de Cesário Verde

Cesário Verde
avaliação dos leitores (2 comentários)
(2 comentários)
Código:04978
Edição/reimpressão:09-2014
Editor:Porto Editora
ISBN:978-972-0-04978-0
ver detalhes do produto
5,50€
4,95€
-10%
5D
COMPRAR
-10%
5D
5,50€
4,95€
COMPRAR
I10% DE DESCONTO IMEDIATO
IEnvio até 5 dias

SINOPSE

Em O Livro de Cesário Verde encontramos um dos universos poéticos mais estimulantes e complexos de toda a literatura portuguesa. A multiplicidade de influências que nele se cruzam não impede a sua afirmação como momento inaugural de um discurso poético de rutura, já verdadeiramente moderno.

O carácter inovador desta poesia de finais de Oitocentos congrega pistas estéticas várias, que foram posteriormente trilhadas pela poesia portuguesa dos finais do século XIX e da primeira metade do século XX, revelando todas as suas potencialidades expressivas. Contrastando com a receção obtida aquando da sua publicação dispersa em vários jornais e revistas, o reconhecimento da importância desta obra na poesia portuguesa é atualmente unânime.

Conheça todas as obras da Educação Literária na nossa página especial.
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

O Livro de Cesário Verde
Filipa Silva |19.02.2016
São poemas como “O Sentimento de um Ocidental”, “Nós”, “Num bairro moderno” que fazem parte do único livro póstumo de Cesário Verde, que tornam esta obra uma das mais realistas e formidáveis no que corresponde ao binómio campo/ cidade,e não só.
Um pequeno e delicioso livro
João Costa |21.04.2013
Julgo ter sido um poeta muito criativo e original, para a sua época.... comprei mais pela curiosidade da sua pequena obra.

DETALHES DO PRODUTO

O Livro de Cesário Verde
de Cesário Verde
Edição/reimpressão:09-2014
Editor:Porto Editora
Dimensões:127 x 197 x 7 mm
Encardenação:Capa mole
Páginas:96
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros em Português > Literatura > Poesia > Apoio Escolar > 8.º Ano > Leituras Orientadas > 11.º Ano > Leituras Orientadas

sobre Cesário Verde

Cesário Verde
Cesário Verde nasce em 1855, em Lisboa. Aos 18 anos publica os primeiros versos no «Diário de Notícias», pela mão de Eduardo Coelho (fundador do jornal), que fora caixeiro na loja de seu pai. Entre 1874 e 1875 publica vários poemas noutros jornais e revistas. É atacado pelo «Diário Ilustrado», ao qual responde com uma sátira (que não antologia para «O Livro»); Ramalho Ortigão critica-o sem entendimento e com arrogância. Durante o ano de 1876 publica com menos frequência e nos anos que se segue! m continua a ser alvo de mais críticas e maior incompreensão. Em 1880 publica «O Sentimento dum Ocidental» em «Portugal a Camões» (número especial do «Jornal de Viagens», no âmbito das comemorações do tricentenário da morte de Camões), Porto. O poema «Nós» é publicado n’ «A Ilustração», em Paris, em 1884. O seu estado de saúde começa a agravar-se, vindo a morrer de tuberculose a 19 de julho de 1886. Em 1887 Silva Pinto publica «O Livro de Cesário Verde», com uma tiragem de 200 exemplares.
Ver Mais

DO MESMO AUTOR

O Livro de Cesário Verde

de Cesário Verde

6,93€

7,70€

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK