Dez dias de mistério

Livro 32

avaliação dos leitores (1 comentários)
(1 comentários)
Formatos disponíveis
8,80€ I
-10%
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
EM
STOCK
8,80€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I EM STOCK

SINOPSE

Howard Van Horn, filho do milionário Diedrich Van Horn, acorda numa pensão barata. Tem os nós dos dedos feridos, a cabeça ensanguentada e, quando se apercebe de que esteve inconsciente durante dezanove dias, convence-se de que o sangue que o cobre é prova de que alguém perdeu a vida.
Atarantado pela amnésia, Van Horn procura o auxílio do seu velho amigo Ellery Queen e é por ele encaminhado de regresso à casa de família, em busca de respostas. Contudo, durante dez dias, estranhos crimes sucedem-se e a intriga assume contornos cada vez mais negros, até que sob o olhar arguto do detetive amador um padrão se vai revelando...

Publicado originalmente em 1948, Dez Dias de Mistério marca o regresso de Ellery Queen à cidade imaginada de Wrightsville para uma das suas mais complexas e criativas aventuras detetivescas.
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

Fantástico
Telma | 2019-10-05
Mais uma vez a dupla Ellery Quenn nos delicía com um mistério fantástico. Em pulgas pelos próximos de Ellery Queen da Coleção Vampiro.

DETALHES DO PRODUTO

Dez dias de mistério
ISBN: 978-989-711-050-4
Edição/reimpressão: 09-2019
Editor: Livros do Brasil
Código: 77467
Coleção: Vampiro
Idioma: Português
Dimensões: 110 x 170 x 12 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 272
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Policial e Thriller

sobre Ellery Queen

Ellery Queen é o pseudónimo conjunto de Frederic Dannay (de seu verdadeiro nome Daniel Nathan, nascido em 1905 e falecido em 1982, em Nova Iorque) e do seu primo Manfred B. Lee (Manford Lepofsky, também nascido em 1905 e falecido em 1971, naquela mesma cidade). Ambos com experiência em publicidade e leitores ávidos das histórias de Sherlock Holmes, a dupla escreveu o seu primeiro romance, O Mistério do Chapéu Romano, em 1929, apresentando então o detetive Ellery Queen, ele próprio escritor de romances policiais, formado em Harvard, dono de uma genialidade tão grandiosa quanto a sua arrogância. Até 1971, Ellery Queen foi autor e herói de mais de trinta romances, numerosas novelas, peças radiofónicas, filmes e séries de televisão. A par desta obra abundante e de qualidade, Dannay e Lee deixaram também a sua marca na história da literatura policial pela criação, em 1941, da Ellery Queen’s Mystery Magazine, famosa revista policial ainda hoje em atividade.
Ver Mais

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!