As novas mil e uma noites - I Volume

As novas mil e uma noites - I Volume

Robert Louis Stevenson; Tradução: José Domingos Morais
ISBN: 978-972-37-1499-9
Edição/reimpressão: 09-2011
Editor: Assírio & Alvim
Código: 78973
Coleção: O Imaginário
ver detalhes do produto
16,00€ I
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
16,00€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I Em stock - envio até 48 horas
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

As Novas Mil e Uma Noites é um livro de histórias. Nem outra coisa poderia ser, já que tal título— New Arabian Nights, no original inglês—nos remete directa e imediatamente para a fabulosa e famosíssima colectânea das Mil e Uma Noites.
Xerazade, tal como o ignorado árabe que escreveu as histórias que ela contou, era senhora dos recônditos segredos dessa arte por tantos praticada e por tão poucos conseguida.Também assim aconteceu com Robert Louis Stevenson, que, após a conclusão de cada uma das histórias que coligiu sob os títulos de O Clube dos Suicidas e O Diamante do Rajá, nos faz saber que delas teve conhecimento por intermédio de umsupostomanuscrito redigido por ummisterioso autor árabe.Comestas discretas alusões, Stevenson não nos revela apenas a sua admiração pelas histórias dasMil e Uma Noites. Diz-nos também que o seu objectivo, ao escrever umasNovasMil eUmaNoites, era idêntico ao de Xerazade; ou seja, o Escocês das Arábias— chamemos-lhe assim—pretende apenas que quem o leia possa passar o tempo sem se dar conta de que o tempo voa, tal como aconteceu como príncipe árabe, aquele que julgava ser o dono e o senhor de Xerazade.
Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

As novas mil e uma noites - I Volume
ISBN: 978-972-37-1499-9
Edição/reimpressão: 09-2011
Editor: Assírio & Alvim
Código: 78973
Coleção: O Imaginário
Idioma: Português
Dimensões: 136 x 210 x 16 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 240
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros em Português > Livros > Literatura > Romance
Robert Louis Stevenson nasceu em Edimburgo a 13 de Novembro de 1850. Cursou Direito - sem que alguma vez tenha chegado a advogar - e, pouco depois, apaixona-se por Fanny Osbourne com quem, apesar das diversas atribulações por que passaram, se viria casar. Anos mais tarde contrai tuberculose e muda-se com a mulher e o enteado para a Suíça, onde vive durante um ano. Regressa à Escócia mas o clima só prejudica ainda mais a sua saúde, obrigando-o a mudar-se novamente, desta vez para o Sul de França. Os anos seguintes foram passados à procura de um clima que não agravasse a sua doença, até que finalmente, em 1892, se fixou com a família em Samoa. Foi aí que morreu no dia 3 de dezembro de 1894, vítima de uma hemorragia cerebral. Foi autor, entre outros, de O Estranho Caso do Dr. Jekyll e do Sr. Hyde, e de A Ilha do Tesouro, que o imortalizaram.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK