A Viagem do Elefante - BD

Baseado no romance de José Saramago

avaliação dos leitores (4 comentários)
(4 comentários)
ISBN: 978-972-0-04709-0
Edição/reimpressão: 11-2022
Editor: Porto Editora
Código: 04709
ver detalhes do produto
19,90€ I
17,91€ I
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
19,90€ I
17,91€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO IMEDIATO
I EM STOCK
I PORTES GRÁTIS
I RECOMENDADO PELO PLANO NACIONAL DE LEITURA

SINOPSE

Este álbum de João Amaral adapta para BD o romance homónimo de José Saramago. Como diz Pilar del Rio, no prefácio que para ele escreveu, o caminho até Viena é tortuoso: João Amaral sabe-o bem porque o esteve a desenhar durante mais de dois anos passo a passo. Estava em sua casa e também ouviu os barritos do elefante, pelo que se pôs a delimitar a zona para que nenhum leitor se perdesse na aventura de ler. João Amaral estudou muito bem aquilo que José Saramago havia escrito e logo que o soube com todas as letras pintou-o para que nada na sua banda desenhada fosse falso.
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

A viagem...
Pedro Silva | 2018-08-31
Uma viagem emocionante... O elefante e o seu tratador deparam-se com vários obstáculos pelo caminho e também com pessoas que os obrigam a fazer o que não querem. Um jogo de emoções para quem lê.
Mestria
Ricardo Amaro | 2015-06-05
Não era de nada imaginável que do original se pudesse adaptar à BD. Mas João Amaral fez um excelente trabalho! Adorava que outras obras do maior escritor português de todos os tempos tivessem a mesma oportunidade que a viagem do elefante teve.

DETALHES DO PRODUTO

A Viagem do Elefante - BD
ISBN: 978-972-0-04709-0
Edição/reimpressão: 11-2022
Editor: Porto Editora
Código: 04709
Idioma: Português
Dimensões: 198 x 268 x 12 mm
Encadernação: Capa dura
Páginas: 128
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Banda Desenhada > Outros

sobre João Amaral

João Amaral nasce em novembro de 1966 e é autor de banda desenhada. Estreia-se em 1994, com Rui Carlos Cunha, pelas Edições Asa, numa adaptação para banda desenhada de A Voz dos Deuses, de João Aguiar. Colabora nas Selecções BD – 2ª Série, entre 1999 e 2000, com as BDs O Que Há de Novo no Império? e O Fim da Linha. Em 2003, é um dos autores que participa no álbum Vasco Granja Uma Vida, Mil Imagens, com Missão Quase Impossível, feita com Jorge Magalhães. Nos anos seguintes, publica História de Manteigas, Bernardo Santareno – Fragmentos de uma Vida Breve e História de Fornos de Algodres, pela Âncora Editora. Em 2012, novamente pelas edições Asa, assinando como Jhion, lança com Miguel Peres, Cinzas da Revolta. Em 2014, surge pela Porto Editora, a adaptação para banda desenhada do romance homónimo de José Saramago, A Viagem do Elefante. Já em 2017 publicou sob a chancela das Edições Esgotadas Museu Nacional Grão Vasco 1916 – 2016/Em Busca da Arte Perdida. Em 2019, a propósito dos 25 anos do lançamento de A Voz dos Deuses, publicou uma nova edição desta obra pela editora Arcádia, desta vez mais consentânea com o original, a preto e branco. Em 2020 pelas Edições ASA, publicou a adaptação em banda desenhada de Rosa, Minha Irmã Rosa, de Alice Vieira. Por fim, em 2022 lança Rattlesnake, um western publicado pela Escorpião Azul. Em 2013 ganhou no Festival Internacional de Banda Desenhada de Viseu, o troféu Animarte pelo conjunto da sua obra.
Blogue: http://joaocamaral.blogspot.pt
Ver Mais

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!