A Queda dum Anjo

A Queda dum Anjo

Camilo Castelo Branco
ISBN:978-972-0-04972-8
Edição/reimpressão:06-2017
Editor:Porto Editora
Código:04972
Coleção:Clássicos Porto Editora
ver detalhes do produto
6,60€I
5,28€I
-20%
EM
STOCK
COMPRAR
-20%
EM
STOCK
6,60€I
5,28€I
COMPRAR
I20% DE DESCONTO IMEDIATO
IEm stock - Envio 24H

SINOPSE

Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para a Formação de Adultos como sugestão de leitura.

O protagonista, Calisto Elói, um fidalgo transmontano, austero e conservador, é uma espécie de encarnação satírica desse Portugal: eleito deputado, Calisto vai viver para Lisboa, onde se deixa corromper pelo luxo e pelo prazer que imperam na capital, tomando como amante uma prima afastada, Ifigénia, e transitando da oposição miguelista para o partido liberal no governo. Ironicamente, a esposa de Calisto, Teodora, uma aldeã prosaica, imita-o na devassidão: vendo-se desprezada pelo marido, une-se a um primo interesseiro e sucumbe ela própria aos vícios da modernidade.

A. J. Saraiva e Óscar Lopes, in "História da Literatura Portuguesa", 17.ª ed., Porto Editora (adaptado)
Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

A Queda dum Anjo
de Camilo Castelo Branco
ISBN:978-972-0-04972-8
Edição/reimpressão:06-2017
Editor:Porto Editora
Código:04972
Coleção:Clássicos Porto Editora
Idioma:Português
Dimensões:128 x 198 x 16 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:208
Tipo de Produto:Livro

de Camilo Castelo Branco

Camilo Castelo Branco
Nasceu em 1825, em Lisboa, e faleceu em 1890, em S. Miguel de Seide (Famalicão). Com uma breve passagem pelo curso de Medicina, estreia-se nas letras em 1845 e em 1851 publica o seu primeiro romance, Anátema. Em 1860, na sequência de um processo de adultério desencadeado pelo marido de Ana Plácido, com quem mantinha um relacionamento amoroso desde 1856, Camilo e Ana Plácido são presos, acabando absolvidos no ano seguinte por D. Pedro V. Entre 1862 e 1863, Camilo publica onze novelas e romances, atingindo uma notoriedade dificilmente igualável. Tornou-se o primeiro escritor profissional em Portugal, dotado de uma capacidade prodigiosa para efabular a partir da observação da sociedade, com inclinação para a intriga e análise passionais. Considerado o expoente do romantismo em Portugal, autor de obras centrais na história da literatura nacional, como Amor de Perdição, A Queda dum Anjo e Eusébio Macário, Camilo Castelo Branco, cego e impossibilitado de escrever, suicidou-se com um tiro de revólver a 1 de Junho de 1890.
Ver Mais

DO MESMO AUTOR

Em Stock

Amor de Perdição

de Camilo Castelo Branco

4,40€

5,50€

Em Stock

Amor de Perdição

(Memórias duma família)

de Camilo Castelo Branco

6,16€

7,70€

Em Stock

Maria Moisés

de Camilo Castelo Branco

6,16€

7,70€

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK