2016-02-08

Nova edição de O Quarto de Jack

Com a adaptação para o cinema nomeada para quatro Óscares, Porto Editora relança romance de Emma Donoghue

Partilhar:

No final de 2011, a Porto Editora publicou um livro que conseguiu reunir um raro consenso entre a crítica e um público bastante vasto: O Quarto de Jack, de Emma Donoghue. Finalista do Man Booker Prize e do Orange Prize, líder de tops de vendas em todo o mundo, este romance deu origem a um filme – Quarto – nomeado para quatro Óscares, que chega às salas portuguesas esta quinta-feira. Com o filme, dá entrada nas livrarias nacionais uma nova edição do livro de Emma Donoghue.


Após quase duas décadas de vida literária, esta autora alcançou o reconhecimento internacional com O Quarto de Jack. A crítica rendeu-se de imediato ao livro. O também escritor Michael Cunningham afirmou, lapidarmente: "O Quarto de Jack é uma raridade, uma completa e original obra de arte". Por cá, o jornalista e crítico literário José Mário Silva considerou-o "um romance espantoso", "poderoso e comovente, sem ser sentimental".


O Quarto de Jack (Room, na versão original) foi apontado como favorito a prémios como o Orange ou o Booker (cujo vencedor foi A Questão Finkler, de Howard Jacobson, também publicado pela Porto Editora). Não ganhou, mas conseguiu a principal vitória: o reconhecimento dos leitores. Em Portugal, passou a integrar o Plano Nacional de Leitura.

SINOPSE

Para Jack, de cinco anos, o quarto é o mundo todo. É onde ele e a Mamã comem, dormem, brincam e aprendem. Embora Jack não saiba, o sítio onde ele se sente completamente seguro e protegido, aquele quarto é também a prisão onde a mãe tem sido mantida contra a sua vontade. Contada na divertida e comovente voz de Jack, esta é uma história de um amor imenso que sobrevive a circunstâncias aterradoras, e da ligação umbilical que une mãe e filho.

A AUTORA

Emma Donoghue é escritora de romances históricos e contemporâneos. Nasceu em Dublin, onde viveu durante vinte anos, até ir viver para Inglaterra – para estudar em Cambridge – e depois para o Canadá. Mudou-se recentemente para França.

O Quarto de Jack é o seu título mais conhecido, mas Emma já escreve desde os vinte e três anos e a sua carreira como escritora conta com alguns bestsellers, como Slammerkin, The sealed letter, Landing, Life-Mask, Hood e Stir-Fry.

A título de curiosidade, refira-se que o pai de Emma Donoghue, que também era crítico literário, foi professor de Henry James na faculdade.

Ligações: www.emmadonoghue.com e www.roomthebook.com.

OPINIÕES

Poderoso e comovente, sem ser sentimental. Um romance espantoso.
José Mário Silva, Expresso

Bastam sete metros quadrados para fazer um grande grande livro. Uma combinação rara entre tensão e sensibilidade sem sentimentalismos.
Ana Dias Ferreira, Time Out

O Quarto de Jack é uma raridade, uma completa e original obra de arte.
Michael Cunningham

Adorei O Quarto de Jack. É de uma imaginação incrível e de um estilo de linguagem deslumbrante. E, no meio de tudo isto, um miúdo totalmente credível e encantador. Diferente de tudo o que li até hoje.
Anita Shreve

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK