Sob a forma do silêncio

avaliação dos leitores (3 comentários)
(3 comentários)
Formatos disponíveis
12,20€ I
9,76€ I
-20%
PORTES
GRÁTIS
COMPRAR
-20%
PORTES
GRÁTIS
12,20€ I
9,76€ I
COMPRAR
I 20% DE DESCONTO IMEDIATO
I Em stock - envio até 48 horas
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

«É poderosa a imagem com que Emanuel Madalena se apresenta, insinuando a poesia como modo de trocar "a modéstia da voz / pelo contrabando da língua". Tudo quanto é seguro é deixado fora da poesia. A estreia do poeta é a inauguração do perigo, proposta de uma angústia outra vez original.

Corajoso o regresso à "torre", tão elevado quanto cercado por seu ponto de vista, sem completude, apenas intensificação. Não há possibilidade de completude nem de sossego. Todos os planos serão um vício. E isso é imediatamente Wittgenstein, cuja pessoa e obra são o eixo de todo o livro. Wittgenstein é a afinação de cada verso, para a lucidez perante o fracasso e para o irresistível da amorosidade. Ele é a profunda intimidade do livro, convocando amantes, cúmplices, aludindo ao dia da morte, inscrevendo nos versos de Madalena a mesma folia pelo rigor de um pensamento que, afinal, conflitua sempre mais. Como uma matemática que se ramifica e complexifica até ao infinito, na tremenda abstracção ou no já indizível, sem mais prova senão uma certa fé, um certo génio.

Maduríssimo primeiro livro, construído na ansiedade crítica do olhar "sob a forma do eterno". Se o poeta claudica entre erro e fracasso, seu sentido está em depurar, de tudo o que pode saber, o que é fantasia e o que sobra de verdade. Entre o vocábulo e o indizível, o poema é a oferenda possível, vastidão mais absoluta que há. Impressiona-me que Madalena estreie magnificamente consciente da vastidão mais absoluta que há.»

por Valter Hugo Mãe, coordenador da coleção elogio da sombra
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

Poesia Contemporânea Portuguesa
Sofia Micalli | 2020-07-04
Conhecia mal a poesia de Emanuel Madalena, mas arrisquei e comprei o livro. Foi mais uma agradável surpresa. Poesia bem construída, visual e muito bela.
Estreia literária
JT | 2020-01-11
A estreia poética de Emanuel Madalena é surpreendente. Plena de sensibilidade, é uma poética (e um poeta a seguir)!

DETALHES DO PRODUTO

Sob a forma do silêncio
ISBN: 978-972-0-03249-2
Edição/reimpressão: 03-2020
Editor: Porto Editora
Código: 03249
Idioma: Português
Dimensões: 160 x 198 x 12 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 96
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Poesia
Emanuel Madalena nasceu em Aveiro, em 1986, e é mestre em Estudos Editoriais e doutorando em Estudos Literários na Universidade de Aveiro. É também mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Porto. Foi duas vezes seleccionado para a mostra nacional do Concurso Jovens Criadores, participou na VIII Bienal de Jovens Criadores da CPLP e vem recebendo distinções em vários prémios literários. Até agora, dispersou contos e poemas por eventos e publicações digitais, analógicas, antológicas e arqueológicas. Este é o seu primeiro livro.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK