Sétimo Dia

avaliação dos leitores (3 comentários)
(3 comentários)
Formatos disponíveis
15,50€ I
13,95€ I
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
15,50€ I
13,95€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO IMEDIATO
I EM STOCK
I PORTES GRÁTIS
I RECOMENDADO PELO PLANO NACIONAL DE LEITURA
I RECOMENDADO PELO PLANO NACIONAL DE LEITURA
I RECOMENDADO PELO PLANO NACIONAL DE LEITURA
I RECOMENDADO PELO PLANO NACIONAL DE LEITURA

SINOPSE

Cinco seres, cinco dias. No começo do mundo, Daniel Faria leva-nos no caminho enigmático dos primeiros homens. São breves fragmentos de um projeto que o poeta ainda revisitava nas vésperas da sua morte, um livro inédito de uma contenção exemplar e luminosa: «Em Sétimo Dia, os cinco homens repartem perspectivas sobre a ideia de ocupação e coincidem no desejo de alcançar uma certa ideia de existência transcendente sem depor a medida humana a partir da qual cada um se foi fazendo lugar. Cada homem permanece em redor da raiz da sua condição, mesmo quando na enunciação das dúvidas, dores e amarguras se faz pressentir o rumor da mudança aguardada.» [Francisco Saraiva Fino, em «A raiz do corpo glorioso»]
Ver Mais

CRÍTICAS DE IMPRENSA

De Daniel Faria, o poeta beneditino do Mosteiro de Singeverga, que morreu precocemente aos 28 anos, julgávamos que já não havia mais nada de importante que o seu espólio pudesse oferecer. Mas eis que surge, à altura dos momentos mais altos do poeta, este Sétimo Dia editado por Francisco Saraiva Fino com grande rigor filológico, como se percebe pelo prefácio que é, além disso, um excelente texto de comentário e interpretação.
António Guerreiro, Público

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

uma luz malograda
Rui Vieiro | 2021-09-03
O Poeta Daniel Faria apresenta-se como uma das mais singulares vozes da poesia Portuguesa, e podemos até imaginar onde teria chegado se não nos tivesse deixado tão cedo, mas nem isso é necessário pois estes derradeiros poemas, neste livro superior, a luz se derrama sobre nós e a sua escrita, é água fresca e límpida das fontes do amar e gostar. Muito Bom
O rosto da poesia contemporânea portuguesa
Rui Teixeira | 2021-08-05
Novidade editorial de magnitude ímpar: na senda de uma progressiva publicação da obra de um vulto importantíssimo da poesia contemporânea, surge esta obra, cuja leitura permite mergulhar no mesmo mistério que sempre fascinou e atraiu o autor, inspirando a sua produção literária.

DETALHES DO PRODUTO

Sétimo Dia
ISBN: 978-972-37-2174-4
Edição/reimpressão: 11-2021
Editor: Assírio & Alvim
Código: 79225
Coleção: Testemunhos
Idioma: Português
Dimensões: 147 x 205 x 16 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 160
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Poesia

sobre Daniel Faria

Daniel Faria nasceu em Baltar, Paredes, a 10 de abril de 1971. Frequentou o curso de Teologia na Universidade Católica Portuguesa – Porto, tendo defendido a tese de licenciatura em 1996. No Seminário e na Faculdade de Teologia criou gosto por entender a poesia e dialogar com a expressão contemporânea. Licenciou-se em Estudos Portugueses na Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Durante esse período (1994-1998) a opção monástica criava solidez. A partir de 1990, e durante vários anos, esteve ligado à paróquia de Santa Marinha de Fornos, Marco de Canaveses. Aí demonstrou o seu enorme potencial de sensibilidade criativa encenando, com poucos recursos, As Artimanhas de Scapan e o Auto da Barca do Inferno. Faleceu a 9 de junho de 1999, quando estava prestes a concluir o noviciado no Mosteiro Beneditino de Singeverga.
Ver Mais

DO MESMO AUTOR

Portes Grátis

Em Stock

O Livro do Joaquim

de Daniel Faria

15,50€

Portes Grátis

Em Stock

Poesia

de Daniel Faria

19,80€

22,00€

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!