Poesia

avaliação dos leitores (1 comentários)
(1 comentários)
ISBN: 978-972-37-2247-5
Edição/reimpressão: 03-2022
Editor: Assírio & Alvim
Código: 79515
ver detalhes do produto
16,60€ I
14,94€ I
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
16,60€ I
14,94€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO IMEDIATO
I EM STOCK
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

«Desaparecido em plena juventude, António Maria Lisboa deixou uma obra escassa mas nem por isso menos fulgurante. Preocupado com uma verdadeira aproximação às culturas exteriores à tão celebrada civilização ocidental, há na sua poesia uma busca incessante de um futuro tão antigo como o passado. Pode, e decerto deve, ser considerado o mais importante poeta surrealista português, pela densidade da sua afirmação e na "direcção desconhecida" para que aponta.» Assim nos é apresentado o jovem poeta pelo amigo e companheiro surrealista Mário Cesariny, organizador deste volume de toda a produção de António Maria Lisboa.
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

António Maria Lisboa
fernando | 2022-04-08
livro essencial para compreender a obra de um dos maiores surrealistas - a par com Césariny de quem, aliás era amigo. um livro para ir lendo....

DETALHES DO PRODUTO

Poesia
ISBN: 978-972-37-2247-5
Edição/reimpressão: 03-2022
Editor: Assírio & Alvim
Código: 79515
Idioma: Português
Dimensões: 147 x 210 x 18 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 248
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Poesia
Nasceu em Lisboa no dia 1 de agosto de 1928 e frequentou o Ensino Técnico.
Amigo de Mário Cesariny, com ele escreveu "Afixação Proibida", um importante manifesto do Surrealismo português que inicia este movimento em Portugal.
Apesar de inserida no Surrealismo, a obra de António Maria Lisboa caracteriza-se por uma faceta ocultista e esotérica que a torna muito particular.
Morreu de tuberculose com apenas 25 anos, mas a sua obra não deixa de ser um marco na literatura portuguesa. Durante a sua curta vida, António Maria Lisboa acreditou sempre no Surrealismo como liberdade e poesia totais, como se pode depreender da sua escrita.
Ver Mais

DO MESMO AUTOR

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!