Nomes Portugueses das Aves do Paleártico Ocidental
Nomes Portugueses das Aves do Paleártico Ocidental

Nomes Portugueses das Aves do Paleártico Ocidental

Helder Costa, João Carlos Farinha, António Araújo, António Mello Machado, Miguel Campinos Poças
avaliação dos leitores (1 comentários)
(1 comentários)
ISBN: 978-972-37-0591-1
Edição/reimpressão: 07-2000
Editor: Assírio & Alvim
Código: 78395
ver detalhes do produto
13,00€ I
-10%
COMPRAR
-10%
13,00€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I dias

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

A Guerra dos Nomes Comuns
Daniel Raposo | 2020-10-26
Entre os ornitólogos portugueses grassa uma guerra surda... com grande parte dos eruditos a defenderem com unhas e dentes os nomes das aves apresentados nas publicações de Sacarrão & Soares, os autores deste livro, encabeçados pelo ex-presidente da SPEA, Hélder Costa, tiveram a clarividência e coragem de mexer com o status quo, abraçando a empreitada de procurar entre as tradições portuguesas os nomes pelos quais o povo real conhece estes animais. O resultado foi uma obra que, estando longe - muito longe - de ser consensual, veio preencher um hiato que há muito existia na ornitologia portuguesa.

DETALHES DO PRODUTO

Nomes Portugueses das Aves do Paleártico Ocidental
de Helder Costa, João Carlos Farinha, António Araújo, António Mello Machado, Miguel Campinos Poças
ISBN: 978-972-37-0591-1
Edição/reimpressão: 07-2000
Editor: Assírio & Alvim
Código: 78395
Idioma: Português
Dimensões: 168 x 239 x 17 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 184
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Ciências Exatas e Naturais > Zoologia

sobre António Araújo

António Araújo é sócio fundador da SPEA. Iniciou a carreira profissional no CEMPA, onde foi coordenador da Central Nacional de Anilhagem de Aves entre 1980 e 1996. Nesse ano foi contratado pela UICN para promover a gestão eficaz de uma rede de Áreas Protegidas na Guiné-Bissau, onde residiu até 1999. Foi Representante da Fundação Internacional do Banco de Arguin (FIBA) na Mauritânia e assessor do diretor do Parque Nacional do Banco de Arguim (PNBA), uma das maiores áreas protegidas costeiras e marinhas de África até 2015. A partir desse ano integrou a Fundação MAVA, onde foi responsável pelo financiamento de vários milhões de euros em projetos focados na conservação da biodiversidade na África Ocidental. Em 2019 fundou a empresa de consultoria ambiental Azul e Verde, sediada em Cabo Verde. É membro do board e representante da ONG internacional Blue Finance em África, membro da rede internacional de especialistas do Blue Action Fund e da rede SMILO. Foram-lhe atribuídos os prémios BP Conservation Expedition Award em 1994 e o Prémio Nacional de Conservação da Natureza "Quercus" em 1995.
Ver Mais

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!