Cinzas de Abril
Cinzas de Abril

Cinzas de Abril

ISBN: 978-972-0-07160-6
Edição/reimpressão: 02-2012
Editor: Sextante Editora (chancela)
Código: 07160
ver detalhes do produto
17,70€ I
-10%
PORTES
GRÁTIS
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
17,70€ I
COMPRAR
I 10% DE DESCONTO EM CARTÃO
I dias
I PORTES GRÁTIS

SINOPSE

Nas vésperas da revolução de Abril, uma rapariga de família burguesa apaixona-se por um idealista radical, antigo amigo de infância, que transformará a sua perceção da vida social e política.
Envolvem-se ambos na luta contra a ditadura e formam um comando terrorista que terá por missão sequestrar um agente da PIDE.
Este caso, e um mistério familiar a ele ligado, vai mudar a vida pessoal de Sophia.
Em Paris cruza-se com outro português, desertor e vivendo de esquemas, cuja amizade a acompanha-rá por toda a vida.
Ambos atravessam os dias da revolução de Abril com paixão, vivendo a ilusão desses tempos em que o «impossível foi possível».
Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

Cinzas de Abril
de Manuel Moya
ISBN: 978-972-0-07160-6
Edição/reimpressão: 02-2012
Editor: Sextante Editora (chancela)
Código: 07160
Idioma: Português
Dimensões: 152 x 235 x 20 mm
Encadernação: Capa mole
Páginas: 328
Tipo de Produto: Livro
Classificação Temática: Livros > Livros em Português > Literatura > Romance

sobre Manuel Moya

Manuel Moya nasceu em Huelva, em 1960, e é poeta, narrador, crítico literário, editor e tradutor. Tem mais de uma dúzia de livros publicados na área da poesia, com os quais ganhou prémios de relevo, tais como o prémio Ciudad de Córdoba (1997), Leonor (2001), Fray Luis de León (2010) e HH Machado (2014). Como prosador tem três livros de contos publicados, La sombra del caimán (2006), Caza mayor (2014) – com o qual venceu o Prémio Andalucía de la Crítica – e Dientes de perro (2019), todos finalistas do prémio Setenil, e também as novelas La mano en el fuego (2006), La tierra negra (2009) Majarón (2009), Las cenizas de Abril (2011) – publicado em Portugal – e Colibrí con Hielo (2018). Traduziu grande parte da obra literária de Fernando Pessoa, tal como o Libro del desasosiego (Baile del sol, 2006 e Alianza, 2010), bem como a poesia dos seus três heterónimos, entre outros títulos.
Ver Mais

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!

Conheça as nossas novidades

Seja o primeiro a conhecer os livros que acabaram de chegar, notícias sobre autores, conteúdo exclusivo e muito mais!