Sagal - O Profeta do Fim

Sagal - O Profeta do Fim

Código:04441
Edição/reimpressão:11-2012
Editor:Porto Editora
ISBN:978-972-0-04441-9
ver detalhes do produto
15,50€
12,40€
-25%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-25%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
15,50€
12,40€
COMPRAR
I20% DE DESCONTO IMEDIATO + 5% EM CARTÃO
IEm stock - Envio imediato
IPORTES GRÁTIS

SINOPSE

O profeta do fim é o segundo livro da série SAGAL, o aventureiro português da era moderna. A pretexto de ajudar um amigo, Sagal envolve-se com uma seita apocalíptica que anuncia a proximidade do fim do mundo, fazendo interpretações obscuras do Calendário Maia, Bíblia e Profecias de Nostradamus.O Sagal guerrilheiro confronta-se com a seita, cujo líder, denominado Profeta, recruta acólitos anunciando-lhes a salvação dos cataclismos que se aproximam, através de cerimónias iniciáticas envolvendo cobras venenosas e bebidas alucinogénias.
Penetrando no esconderijo do Profeta nas montanhas, Sagal descobre crimes, manipulações e lavagens ao cérebro, praticados pela seita religiosa para controlar a vontade dos crentes; promete-lhes a salvação e um encontro com Deus, a troco de dízimos e doações de bens. Usando de astúcias e golpes à margem da lei, Sagalenfrenta políticos sem escrúpulos que concedem favores à seita em troca de avultadas somas em dinheiro provenientes do tráfico de haxixe e de dádivas extorquidas em nome do Senhor Jesus.


Trata-se de um grande romance com uma escrita espantosa que vai contra a corrente literária. Uma ideia fabulosa, uma metáfora do país. Parabéns.
Fernando Dacosta [sobre SAGAL - Um herói feito em África]

Um documento fortíssimo, muito bem escrito.
Lídia Jorge [sobre Olhos de caçador]

Um dos melhores romances-testemunho sobre a guerra colonial.Luís Caetano [idem]

A principal virtude do autor continua a ser o estilo directo, a fluidez da narrativa, a justeza dos diálogos e a vontade primacial de contar uma história.
Filipa Melo [sobre O céu não pode esperar]
Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

Sagal - O Profeta do Fim
Edição/reimpressão:11-2012
Editor:Porto Editora
Dimensões:150 x 236 x 18 mm
Encardenação:Capa mole
Páginas:296
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros em Português > Literatura > Romance
António Brito é licenciado em Direito e trabalhou em empresas multinacionais. Nasceu entre as serras do Açor e do Caramulo, concelho de Tábua, distrito de Coimbra. Antigo combatente da guerra colonial, alistou-se aos dezoito anos na Força Aérea, nas Tropas Pára-quedistas, sendo mobilizado para a guerra em Moçambique. Combateu os guerrilheiros nacionalistas em algumas das mais importantes operações militares de toda a guerra ultramarina: nas florestas da serra Mapé, nos pântanos do rio Rovuma, no planalto dos macondes, no vale do rio Messalo. Colaborou com jornais de Moçambique e Portugal, contando histórias de guerra e de homens vivendo para lá dos seus limites.
Os seus romances Olhos de caçador (2007) e O céu não pode esperar (2009) baseiam-se nas suas vivências africanas na guerra de guerrilhas no antigo território português do Índico. Olhos de caçador foi considerado um dos melhores livros escritos em língua portuguesa sobre a guerra colonial, a condição de soldado e a solidão do combatente, revelando o seu lado desconhecido.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK