Princesas, Príncipes, Fadas e Piratas com Problemas

Princesas, Príncipes, Fadas e Piratas com Problemas

Ana Cristina Leonardo, Ana Luísa Amaral, Gonçalo M. Tavares, João Pedro Mésseder, Rita Saldanha, Rui Zink
avaliação dos leitores (1 comentários)
(1 comentários)
Autores consagrados revelam que as vidas dos heróis também são complicadas!
Código:04289
Edição/reimpressão:10-2009
Editor:Porto Editora
ISBN:978-972-0-04289-7
ver detalhes do produto
14,40€
12,96€
-20%
COMPRAR
-20%
14,40€
12,96€
COMPRAR
I10% DE DESCONTO IMEDIATO + 10% EM CARTÃO
IEnvio até 5 dias

SINOPSE


Plano Nacional de Leitura
Livro recomendado para leitura orientada na sala de aula com alunos do 5º e 6º ano de escolaridade que ainda não adquiriram hábitos de leitura.

"Seis escritores com distintos percursos literários (e, num caso, mesmo sem percurso literário), vindos seja da poesia e da ficção 'adultos' seja da literatura especificamente 'para' crianças e jovens, respondem ao desafio de escreverem textos originais a partir de um tema inesperado e provocador..."
Manuel António Pina (in Prefácio)

"É com os problemas que as histórias avançam - que a tua história avança! Por isso quisemos pôr estes heróis com algumas dificuldades, mas atenção: eles precisam de ti para continuar!Precisam que tu leias e os oiças nas suas aventuras. Já pensaste que um livro só existe porque há pessoas como tu, que o leem?"
Pedro Sena-Lino (in Nota Introdutória)

Afinal, os heróis são iguaizinhos a ti. Têm sonhos, projetos, e monstros debaixo da cama. Um dia levantam-se e tornam-se grandes lutadores!
Este livro, com histórias de piratas, fadas, princesas e príncipes com problemas, foi feito para ti.
Queres lê-lo? Para te tornares um herói nas aventuras deles, e nas tuas próprias aventuras?
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

Princesas, Princípes, Fadas e Piratas com problemas
Paula Gaspar |14.12.2014
A magia da leitura, a imaginação das primeiras idades são transportadas até nós através destes textos carregados de heróis ou não heróis.

DETALHES DO PRODUTO

Princesas, Príncipes, Fadas e Piratas com Problemas
de Ana Cristina Leonardo, Ana Luísa Amaral, Gonçalo M. Tavares, João Pedro Mésseder, Rita Saldanha, Rui Zink
Edição/reimpressão:10-2009
Editor:Porto Editora
Dimensões:246 x 277 x 14 mm
Encardenação:Capa dura
Páginas:112
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros infantojuvenis > Contos fábulas e narrativas > Livros em Português > Infantojuvenil > Contos Fábulas e Narrativas > Plano Nacional de Leitura > 5.º ano > Leitura orientada para alunos sem hábitos de leitura > 6.º ano > Leitura orientada para alunos sem hábitos de leitura

sobre os autores

Ana Luísa Amaral
ANA LUÍSA AMARAL - Nasceu em Lisboa, em 1956, e vive, desde os nove anos, em Leça da Palmeira. É Professora Associada na Faculdade de Letras do Porto. Tem um doutoramento sobre a poesia de Emily Dickinson. As suas áreas de investigação são Poéticas Comparadas, Estudos Feministas e Teoria Queer. É autora, com Ana Gabriela Macedo, do "Dicionário de Crítica Feminista" (Afrontamento, 2005) e coordenou a edição anotada de "Novas Cartas Portuguesas" (Dom Quixote, 2010). Coordena neste momento o projeto internacional financiado pela FCT Novas Cartas Portuguesas 40 anos depois, que envolve 13 equipas internacionais e mais de 15 países. Tem em preparação dois livros de ensaios.

Os seus livros de poesia estão editados em vários países como França, Brasil, Suécia, Holanda, Venezuela, Itália, Colômbia e brevemente no México e na Alemanha. Os seus livros infantis estão editados em França e na Colômbia. Em 2014 sairá no Reino Unido um livro de ensaios sobre a sua obra.

Em torno dos seus livros de poesia e infantis foram levados à cena espetáculos de teatro e leituras encenadas (como "O olhar diagonal das coisas", "A história da Aranha Leopoldina", "Próspero morreu" ou "Amor aos Pedaços").

Em 2007 teve o Prémio Literário Casino da Póvoa/Correntes d'Escritas, com o livro "A Génese do Amor", também selecionado para o Prémio Portugal Telecom. No mesmo ano, foi galardoada em Itália com o Prémio de Poesia Giuseppe Acerbi. O seu livro "Entre Dois Rios e Outras Noites", obteve, em 2008, o Grande Prémio de Poesia da Associação Portuguesa de Escritores e, em 2012, o seu livro "Vozes" obteve o Prémio de Poesia António Gedeão.
Ver Mais
Gonçalo M. Tavares nasceu em 1970. Desde 2001 publicou livros em diferentes géneros literários e está a ser traduzido em mais de 50 países.
Os seus livros receberam vários prémios em Portugal e no estrangeiro. Com Aprender a rezar na Era da Técnica recebeu o Prix du Meuilleur Livre Étranger 2010 (França), prémio atribuído antes a Robert Musil, Orhan Pamuk, John Updike, Philip Roth, Gabriel García Márquez, Salman Rushdie, Elias Canetti, entre outros.
Alguns outros prémios internacionais: Prémio Portugal Telecom 2007 e 2011 (Brasil), Prémio Internazionale Trieste 2008 (Itália), Prémio Belgrado 2009 (Sérvia), Grand Prix Littéraire du Web – Culture 2010 (França), Prix Littéraire Européen 2011 (França). Foi também por diferentes vezes finalista do Prix Médicis e Prix Femina. Uma Viagem à Índia recebeu, entre outros, o Grande Prémio de Romance e Novela APE 2011. Os seus livros deram origem, em diferentes países, a peças de teatro, dança, peças radiofónicas, curtas-metragens e objetos de artes plásticas, dança, vídeos de arte, ópera, performances, projectos de arquitectura, teses académicas, etc.
Ver Mais
João Pedro Mésseder (nome literário de José António Gomes, Professor Coordenador da Escola Superior de Educação do Porto) é autor de cerca de três dezenas de volumes de literatura para a infância e de vários títulos de poesia e textos afins, alguns deles traduzidos para o galego e o espanhol. Doutorado em Literatura Portuguesa pela Univ. Nova de Lisboa, tem organizado antologias, designadamente para crianças e jovens, e assinado com o seu nome próprio livros e ensaios críticos sobre literatura infanto-juvenil e literatura portuguesa, além de dirigir a revista Malasartes - Cadernos de Literatura para a Infância e a Juventude. Coordena a coleção Oficina dos Sonhos da Porto Editora.
Ver Mais
Rui Zink nasceu em Lisboa em 1961. Escritor e professor no Departamento de Estudos Portugueses na Faculdade da Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, é autor duma obra diversificada e multifacetada.
No âmbito da literatura publicou, entre outros, os romances Hotel Lusitano (1987), Apocalipse Nau (1996), O Suplente (2000) e Os Surfistas (2001), primeiro e-book em língua portuguesa.
É ainda coautor de Major Alverca e dos livros infantis o Bebé ... que não gostava de televisão (2003), o Bebé ... que não sabia quem era (2003 ), o Bebé ... que fez uma birra (2004) e Pornex (1984).
A sua obra está traduzida em inglês, alemão e hebraico, encontrando-se também publicada no Brasil.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK