Mágoas da Escola

Mágoas da Escola

avaliação dos leitores (10 comentários)
(10 comentários)
ISBN:978-972-0-04501-0
Edição/reimpressão:07-2009
Editor:Porto Editora
Código:04501
ver detalhes do produto
7,75€I
-10%
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
EM
STOCK
7,75€I
COMPRAR
I10% DE DESCONTO EM CARTÃO
IEm stock - Envio 24H

SINOPSE

Em Mágoas da Escola, Daniel Pennac aborda os problemas da escola e da educação desde um ponto de vista insólito - o ponto de vista do mau aluno. Pennac, que foi ele próprio um péssimo estudante, analisa a figura do cábula outorgando-lhe a nobreza que merece e restituindo-lhe a carga de angústia e dor que inevitavelmente o acompanha.

Misturando recordações autobiográficas e reflexões acerca da pedagogia e das disfunções da instituição escolar, sobre a dor de ser um mau estudante e a sede de aprendizagem, sobre o sentimento de exclusão e o amor ao ensino, Daniel Pennac oferece-nos, com humor e ternura, uma brilhante e saborosa lição de inteligência.

Mágoas da Escola é um livro único e irrepetível, que todos os pais e todos os professores não podem deixar de ler - e dar a ler.
Ver Mais

COMENTÁRIOS DOS LEITORES

Excelente lição
Joana |2018-12-28
Uma boa lição de vida. Valorizar os alunos e não deixar mágoas para o futuro deles.
O que é um bom aluno?
Ricardo Pereira Reis |2018-10-28
A escola pode ser um local mágico. Mas para conseguir essa magia é necessário aceitar as diferenças entre nós - professores e alunos. Daniel Pennac conta como o facto de ter sido um mau aluno o tornou num bom professor que aceita as diferença e compreende que as mágoas da escola podem ser facilmente ultrapassadas com uma comunicação sentida. Narrado na primeira pessoa e com humor, é uma leitura importante para todos os professores.

DETALHES DO PRODUTO

Mágoas da Escola
ISBN:978-972-0-04501-0
Edição/reimpressão:07-2009
Editor:Porto Editora
Código:04501
Idioma:Português
Dimensões:152 x 234 x 20 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:256
Tipo de Produto:Livro
Daniel Pennac nasceu em Casablanca, em 1944, e é hoje considerado um dos mais importantes e populares autores da literatura francesa.
Os seus romances sobre a família Malaussène (Au Bonheur des Ogres, La Fée Carabine, La Petite Marchande de Prose, Monsieur Malaussène e Aux Fruits de la Passion) granjearam-lhe um enorme sucesso internacional, que conheceu também com Como Um Romance, um ensaio sobre a leitura que se transformou num livro de culto.
Mágoas da Escola obteve o Prémio Renaudot em 2007, depois de ter estado mais de 50 semanas nos tops de vendas franceses. Traduzido em 24 países, vendeu, só em França, mais de 800 mil exemplares.
Em 2008, Daniel Pennac obteve, pelo conjunto da sua obra, o Prémio Metropolis Bleu, anteriormente atribuído a escritores como Margaret Atwood, Carlos Fuentes, Paul Auster ou Norman Mailer.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK