2018-03-08

Romance de Richard Zimler que encerra trilogia da Inquisição regressa às livrarias

Goa ou o Guardião da Aurora com nova edição da Porto Editora.

Partilhar:
Goa ou o Guardião da Aurora, de Richard Zimler, regressa às livrarias numa nova edição da Porto Editora. Depois do famoso O Último Cabalista de Lisboa e Meia-Noite ou o Princípio do Mundo, Goa ou o Guardião da Aurora é o policial histórico que encerra a trilogia da Inquisição, protagonizada por diferentes gerações judaico-portuguesas da família Zarco. Neste livro, Zimler transporta-nos para a Goa do século XVI, envolvendo o leitor numa trama de perseguição e sede de vingança, uma exploração da natureza do mal, numa reinterpretação de Otelo, de Shakespeare.


SINOPSE

Na Goa de finais do século XVI, e apesar dos enormes esforços da Inquisição no sentido de proibir nativos hindus e imigrantes judeus de praticar as suas crenças religiosas, a família Zarco, a viver nos limites do território colonial, mantém-se fiel às suas raízes luso-judaicas.

Tiago e a irmã Sofia gozam uma infância serena, aprendendo com o pai a arte de ilustrar manuscritos e com a cozinheira Nupi o mundo inebriante das festividades hindus.

No entanto, quando primeiro o pai e depois o filho são feitos prisioneiros pela Inquisição, a família desmorona-se e a desconfiança começa a grassar no peito de Tiago. Apenas alguém próximo os poderia ter denunciado.

Determinado a vingar-se, Tiago vê-se obrigado a enfrentar a traição e a reavaliar as suas mais profundas crenças.

Um romance histórico magistral. Um hino à vida. Um grito contra a intolerância. Uma história de amor, ciúme e vingança narrada com a mestria a que Richard Zimler nos habituou desde o primeiro livro.

SOBRE O AUTOR

Richard Zimler nasceu em 1956 em Roslyn Heights, um subúrbio de Nova Iorque. Fez um bacharelato em Religião Comparada na Duke University e um mestrado em Jornalismo na Stanford University. Trabalhou como jornalista durante oito anos, principalmente na região de São Francisco. Em 1990 foi viver para o Porto, onde lecionou Jornalismo, primeiro na Escola Superior de Jornalismo e depois na Universidade do Porto. Tem atualmente dupla nacionalidade, americana e portuguesa. Desde 1996, publicou onze romances, uma coletânea de contos e quatro livros para crianças. A sua obra encontra-se traduzida para 23 países.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK