2020-06-01

Porto Editora celebra Dia Mundial da Criança com autores de ficção infantojuvenil

Rui Zink, Richard Zimler e Luísa Ducla Soares partilham uma fotografia da sua infância, dedicando uma mensagem à criança que foram.

Partilhar:

"Porque todas as pessoas crescidas já foram crianças. (Embora poucas se lembrem disso).", lê-se na dedicatória de Antoine de Saint-Exupéry, no seu livro O Principezinho.


As crianças dão grandes lições aos adultos pela forma pura e livre como vivem a vida. E todas as pessoas já passaram por essa fase tão especial, há muito ou pouco tempo, e merecem recordá-lo.

Neste Dia Mundial da Criança, a Porto Editora mostra aos mais novos que também os seus autores preferidos foram pequenos um dia e que agora escrevem para eles. Desafiámos Richard Zimler, Luísa Ducla Soares e Rui Zink a dedicar uma frase à criança que foram, partilhando uma fotografia deles nessa época.

 

 

 

 


RICHARD ZIMLER
«Aguenta e continua a jogar pois, pouco a pouco, tudo vai melhorar.»

 

 

 

 

 

 

 


LUÍSA DUCLA SOARES
« - Que pena não teres vivido agora, Luísa! No teu tempo não havia televisão, nem computadores nem telemóvel. Só recebias livros nos anos e no Natal.. As livrarias ficavam longe. Hoje até se compram no hipermercado ou encomendam-se pela internet. Só é aborrecido andar de máscara…
Ela havia de responder:
- Eu adoro o Carnaval e as máscaras ! Por que não fazes um desenho na tua para ficares mais gira?»

 

 

 

 

 

 

 

 


RUI ZINK
«Obrigado, Rui-mais-pequeno, por nunca te cansares de brincar, desenhar e gostar dos teus amigos. Ainda hoje me fazes tanta companhia!»


Também a banda TOP! quis deixar uma mensagem aos seus amigos mais novos:
 

 

 


O "desconfinamento" dos livros para as crianças

Junho é o mês dos mais novos e a Porto Editora preparou muitas novidades para eles.

A partir do dia 11, o livro "As histórias da minha vida" vai permitir que as crianças entrem no baú de memórias de Luísa Ducla Soares, no ano em que a autora assinala 50 anos de percurso literário.

Este mês, destacam-se também dois novos títulos da Coleção Alice Miranda ("Na escola" e "De férias"), de Jacqueline Harvey, e a autora Elizabeth Verdick vem mostrar que "Os medos não duram para sempre" e "Os micróbios não são para partilhar", com uma ilustração magnífica. Por fim, o pediatra Hugo Rodrigues estreia-se na ficção infantojuvenil com "O livro mágico do avô João".

Ofereça às crianças os instrumentos certos para que cresçam mais saudáveis, criativas e informadas: os livros, pois são eles que as fazem evoluir, viajar e sonhar.

 

 

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK