2020-02-05

Os sarilhos de uma avó que já "devia" ter idade para ter juízo

Sophy Henn apresenta as aventuras de Jeanie, 7 anos e ¾, da sua Avó Sarilho.

Partilhar:

No próximo dia 6 de fevereiro, a Porto Editora faz chegar às livrarias de todo o país uma coleção protagonizada por uma avó pouco comum e que promete causar sarilhos. Da autora e ilustradora britânica Sophy Henn , Muita idade e pouco juízo e A estrela da festa são os dois primeiros títulos de Avó Sarilho.

Jeanie tem 7 anos e ¾ e a sorte de ter uma avó pouco convencional. O pai dela diz que a avó já deveria ter idade para ter juízo e ser um pouco mais normal. Isso implicaria não fazer barulhos de flatulência quando o jardineiro municipal se baixa para apanhar o lixo ou usar o turbante rosa-choque que faz com que pareça uma personagem saída de uma versão musical da Guerra das Estrelas. Era o que pai de Jeanie queria. E também que ela não gerasse sarilhos sempre que faz alguma coisa… Mas isso não seria nada fácil. E, para dizer a verdade, é assim que Jeanie gosta da sua Avó Sarilho: sábia, pouco convencional e nada conformista!

As cores garridas e o visual muito diferente dos tradicionais livros para os mais jovens, com uma linguagem gráfica muito próxima da banda desenhada, fazem dos dois primeiros títulos desta coleção uma imperdível e hilariante introdução à leitura.


SOBRE OS LIVROS
Olá! Chamo-me Jeanie e tenho 7 anos e 3/4. Uma das minhas avós é conhecida como Avó Sarilho. Não sei bem porque lhe chamam isso, mas quando anda por perto, acontecem coisas que acabam por se tornar um ENORME SARILHO. O meu pai diz que ela já tem idade para ter juízo. Mas ainda bem que não tem!

Uma leitura docinha, docinha.
The Guardian

Uma delícia do princípio ao fim.
Daily Express

SOBRE A AUTORA
Vive e trabalha em Sussex, Inglaterra. Estudou Moda na Central Saint Martins, acabando por ingressar acidentalmente numa carreira em publicidade, como Diretora Artística. Posteriormente, concluiu um Mestrado em Ilustração na Universidade de Brighton. Hoje escreve e ilustra livros infantis no seu estúdio, com uma grande caneca de chá a seu lado, e mal pode acreditar na sorte que tem tido. O seu primeiro livro foi finalista do Waterstones Children’s Book Prize em 2015.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK