2013-01-02

E a “Palavra do Ano” de 2012 escolhida pelos portugueses é…

A votação terminou no último minuto de 2012. Os resultados serão apresentados na próxima sexta-feira, 4 de janeiro, em Loures.

Partilhar:
Ao fim de quase três semanas de votação, milhares de portugueses escolheram a “Palavra do Ano” 2012. Dos 10 vocábulos selecionados pelo Departamento de Dicionários da Porto Editora, houve quatro que se destacaram: “bosão”, “desemprego”, “entroikado” e “solidariedade”.

A palavra vencedora será anunciada na próxima sexta-feira, 4 de janeiro, num evento marcado para as 09:15, na Biblioteca Municipal José Saramago, em Loures.

Para além das quatro palavras acima referidas, estiveram a votação, através do site www.portoeditora.pt/palavradoano, as palavras “cortes”, “democracia”, “imposto”, “manifestação”, “refundar” e “TSU”. De lembrar que a seleção das palavras é feita pela equipa de linguistas do Departamento de Dicionários da Porto Editora, que acompanha e analisa a realidade da língua portuguesa, tendo por base os critérios de frequência de uso e de relevância assumida, especialmente nos meios de comunicação social e nas redes sociais.

Em 2009, foi “Esmiuçar”. Em 2010, “Vuvuzela”. Em 2011, “Austeridade“. Qual será a “Palavra do Ano” de 2012?

Sexta-feira, 4 de janeiro (programa)

09:15 – Início
            Saudação pelo Presidente da Câmara Municipal de Loures

09:20 – Apresentação das palavras candidatas a “Palavra do Ano” 2012
            Anúncio da “Palavra do Ano” 2012

09:25 – Breve intervenção do representante da Porto Editora

09:30 – As Palavras de 2012 pela Equipa de Animação da Biblioteca Municipal José Saramago

09:45 – Fim

A “Palavra do Ano” é uma iniciativa da Porto Editora que tem como objetivo principal enaltecer o património da língua portuguesa, sublinhando a importância que as palavras e os seus diferentes sentidos representam no nosso quotidiano.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK