2018-07-03

Αν πάτε στην Ελλάδα, νιώθετε Έλληνας*

A Infopédia tem novos dicionários, desta vez dedicados ao Grego. Mesmo a tempo para quem tem a Grécia como destino de férias.

Partilhar:

*Se for à Grécia, sinta-se grego


Este ano, a Infopédia já surpreendeu os utilizadores com a disponibilização dos dicionários de Chinês e de Tétum. Agora, chegou a vez de acrescentar os dicionários Português-Grego e Grego-Português à sua vasta oferta on-line para que, ao invés de alguém se ver grego, se sinta confortavelmente grego.

Tendo por base as edições impressas da autoria da especialista Maria da Piedade Faria Maniatoglou, publicadas na coleção Editora, estes dicionários são os mais completos no mercado, incluindo vocabulário técnico e científico nas diferentes áreas do conhecimento – da Economia ao Desporto, da Medicina à Informática.

Os dados referentes a estes dicionários são significativos: no total, apresentam cerca de 130 000 entradas, mais de meio milhão de traduções e 265 000 expressões, provérbios e exemplos.





A consulta e utilização destes dicionários é fácil, rápida e eficaz seja qual for o dispositivo – computador, smartphone ou tablet –, servindo as mais diversas necessidades, nomeadamente as de quem se prepara para uma viagem de merecidas férias.

A infopedia.pt passa assim a incluir 28 dicionários em 10 línguas – Português, Inglês, Francês, Espanhol, Alemão, Italiano, Neerlandês, Chinês, Tétum e agora o Grego – reforçando o seu estatuto de maior base lexicográfica em língua portuguesa.


SOBRE A AUTORA
Maria da Piedade Faria Maniatoglou estudou História e Arqueologia na Faculdade de Letras da Universidade de Atenas, assim como na Faculdade de Letras da Universidade Clássica de Lisboa. É diplomada em Língua e Literatura Italianas pelo Instituto Italiano de Atenas.
Levou a cabo mais de 20 traduções para grego de livros literários, sobretudo de autores lusófonos, mas também de autores de língua espanhola. Traduziu ainda para grego numerosos textos de vário teor.
Ocupou-se do ensino do português a alunos gregos, assim como do grego moderno a falantes do português. Dedicou-se, durante largos anos, à elaboração de dicionários ligados às línguas portuguesa e grega, editados pela Porto Editora: Dicionário de Grego-Português/Português-Grego (Coleção Dicionários Académicos), Dicionário de Grego-Português (Coleção Dicionários Editora) e Dicionário de Português-Grego (Coleção Dicionários Editora).
É autora de dois romances escritos em grego. O primeiro, «Okeanós», foi editado em 2013 pela Casa Editora e o segundo no prelo, a publicar pela mesma Editora.
Participou numa Jornada, em Atenas, subordinada ao tema «Literatura Portuguesa e Tradução». Co-organizou e participou nas 1ª e 2ª comemorações do Dia da Língua Portuguesa, realizadas em Atenas, em 2016 e 2017, com a apresentação de autores portugueses e lusófonos. Participou no 7º Festival LEA (Literatura em Atenas), em 2015, por ocasião da participação no mesmo do escritor português Miguel Sousa Tavares.
Colaborou em alguns números da revista de Poesia e Tradução “DiVersos”, com a tradução para português de poemas de poetas gregos modernos.

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK