Eugénio de Andrade

Eugénio de Andrade

É urgente o amor.
É urgente um barco no mar.
É urgente destruir certas palavras,
ódio, solidão e crueldade.

(Re)Descubra mais de 50 anos de vida literária

Eugénio de Andrade - Poesia

Toda a poesia de Eugénio de Andrade, revista em vida pelo autor, e com prefácio de José Tolentino Mendonça.

Eugénio de Andrade - Prosa

Toda a prosa de Eugénio de Andrade num único volume, com prefácio de Federico Bertolazzi.

Em stock - envio até 48 horas, após confirmação do pagamento

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim
Em stock - envio até 48 horas, após confirmação do pagamento

de Eugénio de Andrade 

Porto Editora
Em stock - envio até 48 horas, após confirmação do pagamento

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

de Eugénio de Andrade 

Assírio & Alvim

«Há que dizê-lo com as letras todas: Eugénio de Andrade revolucionou a nossa poesia. Até ele a poesia era uma espécie de ponto de passagem para outra coisa, representação de uma realidade anterior ou para lá do próprio poema. Com ele a poesia deixa de ser veículo e torna-se substância de si.»

José Tolentino Mendonça