Edição n.º 20, março de 2016

Abril e maio são os meses que vão revelar os novos projetos editoriais da Porto Editora para alunos e professores.

Todos os anos, a tradição mantém-se: a Porto Editora reserva os meses de abril e maio e convida os autores dos novos manuais escolares a percorrerem o país e a apresentarem as suas novas propostas. É o momento de excelência para os professores conhecerem as ideias dos autores e de que forma elas se materializaram no projeto que têm agora nas suas mãos.

Esta fase de quase dois meses é também o culminar de um percurso que começou em outubro de 2015, com as ações de formação que a Porto Editora organizou em várias cidades do país e que se prolongaram pelo segundo período letivo. Foram verdadeiros momentos de contacto entre autores e professores e de esclarecimento em torno de temas de interesse dos docentes, como os novos programas e metas curriculares.
Os quatro primeiros programas visitaram a Escola Secundária de Carcavelos, a Escola Secundária Almeida Garrett, em Vila Nova de Gaia, o Agrupamento de Escolas Dr. Costa Matos, também em Gaia, e a EB 2,3 de António Feijó, em Ponte de Lima.

As inscrições para participar nestes encontros de apresentação podem ser efetuadas em www.espacoprofessor.pt, através da Linha do Professor (707 22 33 66 ou 22 605 67 47), por SMS ou através dos consultores pedagógicos que visitam as escolas.

 

Juntos, abrimos horizontes

“Hoje começamos, juntos, a abrir horizontes ao futuro. Ao futuro do ensino e, sobretudo, ao futuro dos seus alunos.” Foi com esta mensagem que a Porto Editora inaugurou a comunicação da sua campanha escolar, em outubro.

A assinatura “Juntos, abrimos horizontes”, que continua a encerrar as comunicações de campanha, é reveladora da intenção: a Porto Editora quer estar ao lado dos professores e contribuir para “continuar a edificar um ensino de qualidade e a revelar os diamantes em bruto” que hoje são alunos mas amanhã podem ser “futuros empreendedores, a nova voz do fado, médicos e os novos atletas de sucesso”.

A campanha contou com a colaboração de professores da Escola Secundária Luís de Freitas Branco, em Paço de Arcos, que cederam a sua imagem e testemunharam sobre o que representa, para eles, a docência. “A Porto Editora mantém a tendência dos últimos três anos: conceber uma campanha de proximidade, com a qual os professores se identifiquem e que conte com a participação de professores reais na ilustração dos vários momentos de comunicação”, refere Rui Paradela, diretor de marketing.



página seguinte

 
Back to Top