Os cuidados com a alimentação não tiram férias

Edição n.º 15, agosto de 2013

As férias devem ser aproveitadas para descansar e repor energias, mas é igualmente importante que se mantenham os cuidados com a alimentação. Paula Veloso, nutricionista, apresenta alguns conselhos para este verão.



Cozinha rápida

Não é necessário perder muito tempo na cozinha ou em restaurantes. Sandes variadas e equilibradas, saladas de arroz, batata, massas ou leguminosas, combinadas com os mais variados ingredientes da Roda dos Alimentos, como legumes, frutos frescos ou secos, carne, peixe ou ovos, são uma forma rápida e nutritiva de comer.

Gestão dos horários

Quantas mais horas se estiver sem comer, mais fome se tem nas refeições principais. Recomenda-se um excelente pequeno-almoço/almoço (brunch) e, depois, duas pequenas refeições durante a tarde, até ao jantar.

Matar a sede

Beber água é o ideal para matar a sede. Mas também se podem beber tisanas sem açúcar, sumos de frutas naturais ou sumos de pacote com 100% de sumo. Os adultos podem optar por cerveja sem álcool, sobretudo durante as horas de calor.

 

 

Refeições leves

As sandes, para além de práticas, permitem múltiplas combinações. Escolha um tipo de pão, recheie com 50-60 gramas de peixe (atum, delícias do mar, sardinhas) ou carne (frango, peru, fiambre) e complete com alimentos do grupo dos legumes (tomate, cebola, pimento, espargos, alface, milho, cogumelos, etc.). É permitido colocar uma ou duas colheres de chá de maionese  light.

Sopas quentes no verão?

Com o calor, se não apetece uma sopa quente, é possível trocar por sopas frias, mas também se pode começar a refeição com um prato de fruta ou de salada, temperada com uma ou duas colheres de chá de azeite ou maionese.

Pequeno-almoço

O dia deve começar obrigatoriamente com o pequeno-almoço, constituído por um alimento do grupo do pão, outro do grupo de leite e uma peça de fruta ou sumo de fruta.

Fruta

É importante comer, pelo menos, duas peças de fruta por dia, mas sem entrar em exageros, porque a fruta em excesso também engorda.

Ceia antes de deitar

Para quem se deita tarde, recomenda-se uma pequena ceia antes de ir para a cama, que inclua um copo de leite e três bolachas Maria ou um iogurte e uma peça de fruta, por exemplo.

Exercício físico

É importante que nos mexamos durante as férias, andando a pé, descendo ou subindo escadas ou fazendo qualquer atividade física. Pelo menos, 30 minutos de atividade física por dia. Importa evitar longos períodos sentado ou deitado. Caminhe na praia, por exemplo.


Peça realizada com base nos artigos de Paula Veloso para o Educare.pt. Paula Veloso é nutricionista e autora de Dietas sem Dieta, Dieta sem Castigo e Peso, uma questão de peso.

 

 

 
Back to Top